a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 624, referente ao período de 18 a 24 de junho de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefones: (81) 99612.0904 (Tim) e (81) 99277.3630 (Claro) ***** WhatsApp: +55 81 99612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

SESSÃO NOSTALGIA - Jacqueline Meireles, Miss Brasil 1987, um dezembro para recordar. Débora Lyra, Miss Brasil 2010, um dezembro para esquecer

Daslan Melo Lima


               Timbaúba, Pernambuco, tarde cinza de dezembro de 1989. Final de ano. Pressa. Havia um certo desânimo dentro de mim. Passei na única banca de revistas da cidade para relaxar. De repente, reconheci na capa da revista Nova-Cosmopolitan, da Editora Abril, Jacqueline Meireles, que em 1987 tinha sido eleita Miss Brasil. Louco por Misses, comprei mais uma preciosidade para a  minha coleção. O cinza da tarde e o desânimo foram embora. Um dezembro para recordar.

Jacqueline Meireles, Miss Brasil 1987,  na capa da revista Nova-Cosmopolitan, em dezembro de 1989. Fotografada por José Antônio. Penteada por Sílvio Lage e maquiada por Marcelo Beauty com produtos Helena Rubinstein. Blusa Lou Borelli, calça Reinaldo Lourenço, anel Serpui Marie e brincos Bella Golzer.

               Timbaúba, Pernambuco, manhã ensolarada de dezembro de 2011. Final de ano. Tranquilidade. Uma leveza dentro de mim. Busquei nos meus arquivos  inspiração para escrever uma crônica, deparei-me com aquela revista que já tem 23 anos e resolvi transformá-la na matéria prima da última Sessão Nostalgia do ano de 2011. É um imenso prazer compartilhar esta preciosidade com quem é louco por Misses. 
 .....

               Timbaúba, Pernambuco, manhã ensolarada de dezembro de 2011. Penso em Débora Lyra, Miss Brasil 2010, que era apenas um bebê naquele dezembro de 1989. Penso em Débora Lyra que neste momento está internada em um hospital de Vitória-ES, vítima de grave acidente sofrido na terça-feira, 27. 

 Débora Lyra, Miss Brasil 2010

            Tenho rezado muito para que esta menina se recupere e não fique com nenhuma sequela do pesadelo que está vivendo. Ninguém deveria morrer, ninguém deveria ficar desempregado, ninguém deveria sofrer no mês de dezembro, o mágico mês do Natal e da despedida de um ano. Estou rezando muito por você, Débora Lyra, e pedindo a DEUS que lá na frente, em um auspicioso dezembro de um ano que virá, este dezembro de 2011 seja apenas uma pálida lembrança em sua vida. Um dezembro para esquecer. 

*****

6 comentários:

Anônimo disse...

Estou acompanhando todo o drama de Débora Lyra.

O pai da Miss Brasil 2010 afirmou nesta sexta-feira, 30, que sua filha melhora “de hora em hora” no tratamento pelo qual está passando. “- De hora em hora ela melhor, está falando muito bem, já está até reclamando de ter que ficar no hospital. Está tudo ótimo, muito bom, não tem nenhum risco de seqüela”.

Após três cirurgias, uma para a retirada do baço, uma para drenagem torácica, e uma para a fixação da coluna e retirada de uma vértebra, Débora segue internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Cias (Centro Integrado de Atenção à Saúde) de Vitória, no Espírito Santo, e não há previsão de sua transferência para o quarto.

De acordo com boletim médico divulgado pelo hospital na manhã desta sexta, Débora está na UTI e apresente quadro estável. "Ela está lúcida e orientada, respirando sem a ajuda de aparelhos e se alimentando por via oral". Segundo o boletim, ela será submetida a "exames complementares" e permanecerá em observação na UTI.

No acidente, ocorrido na BR-101 Sul, em Guarapari, no Espírito Santo, a mãe do namorado da Miss Brasil 2010, Maria Auxiliadora Miguel de Souza, de 56 anos, morreu. Ela estava no banco de trás e não usava cinto de segurança. Débora viajava do Espírito Santo ao Rio de Janeiro com o namorado, Hermon Souza Lopes, a sogra e uma amiga, Caroline Carone. Hermon, que dirigia o carro, perdeu o controle do veículo e bateu em um jipe. Chovia no momento do acidente.

Hermon passou por cirurgia no fêmur direito, fraturou a clavícula e após procedimento cirúrgico foi para a UTI do mesmo hospital, onde, segundo boletim, "respira sem ajuda de aparelhos, mas ainda necessita de observação". Ele, assim como Débora, ainda não foi informado da morte da mãe. Carolina "apresenta pós operatório com boa evolução, está estável, lúcida e orientada". Roberto Lessa de Vasconcelos, que estava no outro veículo, fraturou a tíbia e passará por cirurgia, mas também está lúcido e apresenta quadro estável.

Vamos continuar rezando por Débora Lyra !


C. Rocha de Floripa

Anônimo disse...

O médico neurocirurgião, Paulo Paiva, que operou a coluna cervical de Débora Lyra, Miss Brasil 2010, acidentada na BR-101 em Guarapari, disse ao G1, nesta quinta-feira (29), que descarta a possibilidade de tetraplegia, a paralisia que afeta braços, pernas e tronco. Mas, o médico alerta que ela pode ter alguns movimentos prejudicados.

Para Paiva, a cirurgia foi um sucesso. "Ainda é muito cedo para dizer de seqüelas, mas posso adiantar que tetraplégica ela não fica", comentou. Segundo ele, com a batida, a ex-miss teve hemorragia no baço, uma pequena lesão na medula óssea e fratura na coluna. "Foi feito quatro procedimentos médicos: fixação da coluna, laparotomia que é a abertura do abdome para avaliar as lesões, retirada do baço e drenagem torácica pata retirar o sangue", contou o médico.

Paulo Paiva ainda informou que Débora Lyra teve uma fratura grave e o correto transporte realizado do local acidente até o hospital foi um dos motivos que evitou a tetraplegia. "Os paramédicos foram muito eficientes. O acidente foi muito grave, e a maneira que o paciente é transportado é de suma importância para que não haja complicação pós acidente. A cirurgia durou cerca de 4 horas, foi necessário colocar placas e parafusos de titânio para fixação da coluna que estava instável", contou.

Problema no baço: Antes da cirurgia na coluna, Débora Lyra já havia sido submetida a outro procedimento cirúrgico, no qual foi retirado o baço. O neurocirurgião não sabe se foi retirado parte ou todo o baço. "Não participei desta cirurgia, mas posso afirmar que nesse caso o sistema imunológico pode ficar comprometido e outros órgãos se encarregam de suprir essa necessidade", afirmou Paiva.

Feridos e enterro: Ao todo, seis pessoas ficaram feridas no acidente. A mãe do namorado de Débora morreu no local. A mulher, que tinha 55 anos, foi enterrada no final da tarde de quarta no cemitério Parque da Paz, na Ponta da Fruta, em Vila Velha.
No acidente, o namorado de Débora quebrou o nariz e uma perna. Ele também foi transferido para o Cias e levado para o centro cirúrgico do hospital para uma cirurgia no fêmur.
Além de Débora, do namorado e da mãe dele, também viajava no carro da Miss Brasil 2010 uma jovem de 21 anos, amiga de Débora. Ela teve fraturas e passa por cirurgia em um hospital particular de Vitória.

Colisão frontal- O carro no qual estava a Miss Brasil 2010 bateu de frente com um Toyota Bandeirante, no qual estavam três pessoas. O condutor, de 59 anos, a passageira, de 26, e outro passageiro, de 24, também ficaram gravemente feridos. Segundo a Sesa, os quadros do motorista e da jovem são estáveis e eles não correm risco de morte. O outro rapaz está internado no Hospital São Lucas e passa bem.

De acordo com a PRF, o namorado de Débora, que dirigia o Gol, perdeu o controle do veículo ao fazer uma curva na BR-101 Sul, invadiu a contramão e colidiu com o Toyota Bandeirante, que seguia no sentido contrário. Chovia muito na hora do acidente e os dois sentidos da rodovia ficaram interditados até a retirada dos veículos.

Segundo a polícia, a sogra de Débora Lyra estava no banco de trás e não usava o cinto de segurança.

OBSERVAÇÃO: As informações são do G1 - GLOBO

C. Rocha de Floripa

DASLAN MELO LIMA disse...

E-mail enviado pelo jornalista Muciolo Ferreira, Recife-PE
>>>>>>>>>>

Estamos na torcida para que a Débora saia desta o mais répido possível.
Acredito na sua breve recuperação, pois ela é uma guerreira que venceu muitos obstáculos, o pior deles antes do acidente, o boicote sofrido por parte da própria Gaeta, quando de sua participação no Miss Universo.

Daslan, me desculpe por ter sido o porta-voz, a pessoa que lhe deu a triste notícia do acidente ocorrido com a nossa bela e meiga eterna Miss Brasil 2010, Débora Lyra.

>>>>>>>>>>

Anônimo disse...

Débora Lyra passou o réveillon ao lado da família na UTI do hospital em Vitória onde está internada. De acordo com a irmã de Débora, Fernanda Lyra, ela, o pai e a mãe passaram a virada do ano orando ao lado da Miss Brasil 2010. Em entrevista ao G1, Fernanda disse que os médicos fizeram uma surpresa para a irmã na tarde de ontem, sábado , 31, realizaram o primeiro encontro entre Débora e o namorado após o acidente.

"Foi muito lindo, e eu pude ver tudo isso. Os médicos disseram para ela que o Hermon iria vê-la. Ela ficou toda ansiosa, e preocupada com o cabelo. Ficou me perguntado se estava bonita. Os médicos colocaram ele em uma cadeira de rodas e o levaram para a UTI onde está a minha irmã. Foi uma choradeira só", contou a irmã da Miss Brasil 2010. Fernanda Lyra disse ao G1 que os dois ficaram conversando por alguns minutos até a intervenção dos médicos.

A irmã de Débora contou que os pais foram para a igreja em Vila Velha, na Grande Vitória, e ficaram por lá até às 23h, em seguida se encontram na UTI. "Débora acordou quando faltavam uns cinco minutos para a chegada de 2012. Nós quatro oramos muito até a chegada do ano novo", disse Fernanda.

De acordo com o boletim médico divulgado neste domingo, 1º, o namorado de Débora Lyra, Hermon Souza Lopes, que dirigia o veículo envolvido no acidente, apresenta melhora do quadro clínico e está em recuperação. O paciente teve alta da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para a unidade de internação e um apartamento comum.

Débora Lyra apresenta quadro estável evoluindo com recuperação satisfatória para o tipo de trauma apresentado. A paciente já permanece sentada fora do leito, necessitando de reabilitação respiratória e motora através da fisioterapia. Aceita melhor a alimentação via oral.

Retirei estas informações do G1.

Um abraço a todos.

C. Rocha de Floripa

Anônimo disse...

Gente!
Temos boas notícias da Débora Lyra.
A Miss Brasil 2010 teve alta hoje, às 19:30 do Centro Integrado de Atenção à Saúde, da Unimed em Vitória, ES.
Seu namorado também recebeu alta horas antes.

Deby foi prá casa dormir e seu pai, Fernando Lyra disse que ela seguira tomando medicação normal e sessões de fisioterapia.

Gente!
Continuem de mãos dadas torcendo pela pronta recuperação da Miss Brasil 2010, a única, tá?

(Postado por “marcos56” no www.voy.com/185349/)

Um abraço a todos os leitores de PASSARELA CULTURAL.

C. Rocha de Floripa

Miss Jacque por Jacqueline Meirelles disse...

Foi com muita surpresa que recebi o carinho do post. Fiquei muito feliz com a homenagem.
Bj carinhoso,
Jacqueline Meirelles