a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 633, referente ao período de 20 a 26 de agosto de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefone: (81) 9.9612-0904 (Tim). ***** WhatsApp: +55 81 9.9612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

PAUSAS NA PASSARELA

ANO NOVO X CONSCIÊNCIA ALIMENTAR

               Em homenagem ao verão e por uma alimentação mais saudável, vale a pena rever velhos hábitos alimentares. Com o calor da estação que se aproxima, peixes e frutos do mar, em diversas receitas, passam a ser a preferência para uma alimentação verdadeiramente salutar. No calor, é necessário estar de acordo, para não passar mal sob as altas temperaturas. Comer corretamente e manter uma alimentação frugal é preponderante para ter disposição nestes dias.                 
               Em homenagem aos nossos irmãos animais, vale a pena tornar-se vegetariano consciente, ou, na impossibilidade, evitar os excessos de consumo de carne. A Saúde agradece. As vibrações positivas agradecem. O Cosmos agradece. 

*****

UMA VELHA BENÇÃO IRLANDESA

          Que a benção da luz seja contigo, a luz exterior e a luz interior. A santa luz do Sol brilhe sobre ti e aqueça teu coração até que ele resplandeça como um grande fogo de turfa, e assim o forasteiro possa vir e nele se aquecer, como também o amigo. A luz brilhe de dentro de teus olhos, como a candeia colocada na janela de uma casa, oferecendo ao peregrino um refúgio à tormenta. 
          E a benção da chuva, a chuva suave e boa, seja contigo. Que ela tombe sobre tua alma para que as pequenas flores todas possam surgir e derramar suavidade na brisa. A benção das grandes chuvas seja contigo, caindo em tua alma para lavá-la bem lavada, e nela deixando muitas poças reluzentes, onde o azul do céu possa brilhar, e às vezes uma estrela. 
          E a benção da terra, a grande terra redonda, seja contigo; sempre tenhas uma saudação amiga aos que passam por ti ao longo dos caminhos. A terra seja macia debaixo de ti quando nela repousares, cansado ao fim do dia, e leve ela descanse sobre ti, quando no fim te deitares debaixo dela. Tão leve ela descanse sobre ti, que a tua alma cedo se liberte de seu peso, livre e leve, no caminho de Deus.

           E agora o Senhor te abençoe, com toda a bondade te abençoe.

Feliz Ano Novo !
_____
Tradução de Paulo Mendes Campos (1922-1991), Seleções Reader’s Digest, janeiro-1968.

*****

Nenhum comentário: