a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 616, referente ao período de 23 a 29 de abril de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefones: (81) 99612.0904 (Tim) e (81) 99277.3630 (Claro) ***** WhatsApp: +55 81 99612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

sábado, 20 de junho de 2015

SESSÃO NOSTALGIA - Julho de 1961, quando Marta Rocha estava em Sétimo Céu

Daslan Melo Lima

     Sétimo Céu, esse era o nome de uma das muitas revistas de fotonovelas dos anos sessenta, impressa e editada pela empresa Bloch Editores, que contava em quadrinhos encantadoras tramas românticas, quase todas ficção, mas algumas,  de vez em quando, inspiradas na vida real. Marta Rocha, Miss Bahia, Miss Brasil e vice-Miss Universo 1954, foi a protagonista da edição de julho de 1961, com sua vida narrada em mais de sessenta páginas. 
     Na tarde deste sábado pernambucano,  enquanto sopra o  vento frio, próprio da época junina, retiro a  revista do meu acervo para mais um mergulho delicioso num tempo mágico que se foi, e reencontro Marta Rocha...

... na capa;
----------
nas praias de Salvador;
----------
na passarela do Quitandinha disputando o título de Miss Brasil;
----------
desfilando em Long Beach, onde perdeu o título de Miss Universo 1954 por causa das lendárias duas polegadas a mais nos quadris;
----------
na companhia do seu primeiro esposo, o argentino Álvaro Piano, vítima fatal de um desastre de avião em Mar del Plata;  
----------
ao lado dos filhos; 
---------
casando com Ronaldo Xavier de Lima;
----------
voando para a Europa em lua-de-mel.
----------
     Leio e releio a legenda da última foto: "Quem poderá esquecer a baianinha loura, de olhos azuis, que saiu lá da Barra de Salvador para conquistar, com a sua beleza e a sua simpatia, o amor de todos os brasileiros?" 
    Fecho a revista e grito em silêncio para o vento frio o que ele já sabe há muitos anos: Ninguém! Ninguém jamais poderá esquecer a eterna Miss Brasil !

*****

2 comentários:

Anônimo disse...


Marta Rocha, eternamente Marta.

Daslan,

eu adorava a revista Sétimo Céu. Comprava semanalmente o exemplar. E lembro de duas histórias interpretadas pela Miss Guanabara de 1969, Mara do Carvalho Ferro. Numa, Mara formou par romântico com o cantor Nilton César, cujo título do folhetim era o homônimo da canção "A Namorada que Sonhei".

Mara era uma gracinha. Baixinha, mas dona de um corpaço. Por onde anda Mara? Será que ainda mora no Rio? Gostaria de reencontrá-la no próximo verão carioca, juntamente com você.

Abraços,

Muciolo Ferreira

Anônimo disse...

Que raridade!As meninas não desgurdavam das fotonovelas:Sétimo Céu era a mais concorrida...Abraços!Japão PS:Mucíolo comentou sobre Miss GB 69:realmente,era linda de rosto e a televisão não mostrou toa essa beleza!TG moderno e bonito naquele vestido-calça(?),pantalona chique.