a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 620, referente ao período de 21 a 27 de maio de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefones: (81) 99612.0904 (Tim) e (81) 99277.3630 (Claro) ***** WhatsApp: +55 81 99612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

sábado, 8 de setembro de 2012

DE TIMBAÚBA PARA O MUNDO

UM SÁBADO EM TIMBAÚBA 2012, UMA FESTA PARA RECORDAR


Dando continuidade às postagens da festa Um Sábado em Timbaúba 2012, realizada na AABB-Recife, no dia 18 do mês passado, aqui estão outras imagens para recordar. Como não é possível veicular  de uma só vez todas as fotos, a sequência continuará na próxima edição.


*****

COLÉGIO TIMBAUBENSE, UMA LIÇÃO DE CIDADANIA

     A manhã do dia 7 de setembro vai ficar na memória dos alunos do tradicional educandário Colégio Timbaubense, quando eles, com o apoio dos pais e educadores, engajaram-se  no Projeto Votar-Vivenciando a Cidadania, promovido pela gestora Edna Morais.   A turma vivenciou todo o complexo de um processo eleitoral: campanhas, registro de candidatos, emissão de títulos de eleitor, votação, boca de urna, impugnações, diplomação dos eleitos, etc. 


Na frente do poster do inesquecível Prof. José Mendes da Silva,em pose especial para PASSARELA CULTURAl,  a gestora Edna Morais ao lado das alunas vitoriosas na eleição para "prefeita" e "vice-prefeita". 

*****
ZORILDA CHAVES NO RIO DE JANEIRO


A empresária Zorilda Chaves (Farmácia Estado) está no Rio de Janeiro em visita ao filho Gabriel. Durante um passeio, ela se encontrou com Emiliano D’Ávila e Carol Abras, atores da novela global Avenida Brasil. Emiliano é o Lúcio e Carol é a Begônia da trama. 

Zorilda Chaves está com a agenda bem cheia, pois o Gabriel está proporcionando a ela uma vasta imersão cultural. O roteiro começou pelo Parque Lage, depois passeio pelo Baixo Gávea, finalizando à noite com uma peça do Emiliano Queiroz, que completa 60 anos de palco, no Teatro dos Quatro Gávea. Para Gabriel é muito bom ter a mãe por perto e poder oferecer tudo isso que ela tanto gosta, afinal foi com Zorilda que ele aprendeu a admirar o belo da vida.

*****



ROTEIRO POÉTICO DE TIMBAÚBA 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>



Porque é Setembro, o vento traz de longe mil lembranças de alunos ausentes. / São doces recordações das mangas do Colégio Timbaubense. / Porque é Setembro, logo mais a mangueira exibirá seus frutos aos presentes. / Na sua majestosa solidão, a mangueira se doa ao Verão ardente. (Daslan Melo Lima) 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>


*****
     

MEMÓRIA TIMBAUBENSE

                                       <<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<


Porque era Setembro, o sorriso da garota da fina flor da sociedade encantava a todos. Rebeca Brandão, Rainha da Primavera do ano de .... 
No seu sorriso, a esperança e o entusiasmo da juventude dourada de um tempo que se foi.

<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

***** 


CINE TEATRO RECREIOS BENJAMIN: ESTIGMA CULTURAL DA CIDADE DE TIMBAÚBA-PE (Capítulo 1 )




A partir desta edição, em capítulos semanais, você vai acompanhar a publicação de um trabalho acadêmico de Alexandre José Barboza dos Santos, Bacharel em Ciências Contábeis (FACET), Especialista em Auditoria Fiscal e Tributária (UFPE), Mestrando em Gestão Pública (UFPE), Contador, Professor do Curso de Ciências Contábeis da Faculdade de Timbaúba e Servidor efetivo da Prefeitura Municipal de Timbaúba.  
                     _______________________________________________
CINE TEATRO RECREIOS BENJAMIN: ESTIGMA CULTURAL DA CIDADE DE TIMBAÚBA-PE.

Alexandre José Barboza dos Santos
Resumo
Este artigo tem por objetivo apresentar o Cine Teatro Recreios Benjamin, como templo Cultural da cidade de Timbaúba-PE, onde o mesmo marcou profundamente várias gerações por haver concentrado uma vivência cultural, passando a ser considerado como um bem de valor coletivo. Sendo este detentor de um valor arquitetônico, contudo ele é bem mais que apenas uma construção, é um titular de um valor cultural, é um lugar de memórias de vários gêneros artísticos do município de Timbaúba. O espaço foi tombado pelo patrimônio histórico do estado de Pernambuco por meio do decreto nº 8.444 em 28/02/1983. Tal ato foi encarado como uma grande conquista para o município timbaubense por se reconhecer o valor expressivo deste imóvel na conjuntura urbana. No entanto, o ato do tombamento não causou efeito estabilizador no sentido de conservação, pois a situação do imóvel hoje é deplorável com preservação precaríssima, carecendo urgentemente de passar por um restauro, caso contrário corre o risco de desabar. Diante desta o presente artigo descreve sobre seu histórico, o tombamento e seus efeitos.
Palavras-chave: Patrimônio Cultural; Cine Teatro Recreios Benjamin; Tombamento.
Abstract
This article presents the Cine Teatro Recreios Benjamin, as the cultural temple of,  Timbaúba, Pernambuco, where it has deeply marked may generations  for have concentrated a great cultural experience, being considered an asset of collective value. It is the owner of an architectural value, however it is much more than just a single building, it is a holder of a cultural value, a place of memories of various artistic genres in the county. The same became cultural  heritage of Pernambuco by the decree No. 8444 in 02/28/1983, and such act was seen as an excellent achievement to timbaubense people for recognize the significant value provided in the urban property. Meanwhile this act of putting under governmental trust did not cause stabilizing effect in the line of the conservation, because the situation of the property today is deplorable with an  extremely precarious preservation, needing to be repaired otherwise it runs the risk of collapse.  Then this article describes  its history, property and the effects.

Keywords: Cultural Heritage, Cine Teatro Recreios Benjamin; Governmental trust.

Introdução
O Cine Teatro Recreios Benjamin esta localizado na cidade Timbaúba-PE, a cerca 98 Km, da capital Pernambucana, compondo um expressivo exemplar do gênero no interior do Estado.  O mesmo consagrou-se como local de aglomeração de indivíduos interessados em teatro, música, encontros dançantes e recreativos, de conferências literárias e ainda de movimentos filantrópicos e espetáculos beneficentes. Constitui-se em um marco de várias gerações por haver concentrado uma vivência cultural, sendo até apelidado carinhosamente pelos timbaubenses como “O Cacareco”. 
O presente artigo pretende descrever os aspectos relacionados a cultura que o caracterizaram como um bem constituído pela identidade de uma coletividade, resgata através de um breve histórico a sua era de glória que o consagrou como estigma cultural. Apresenta também os aspectos relacionados ao Tombamento bem como seus efeitos e a conjuntura atual de inatividade e abandono que e o mesmo se encontra.
            O artigo classifica-se metodologicamente como pesquisa qualitativa que de acordo com Gil (2006, p. 15): esse tipo de pesquisa pode descrever a complexidade de determinado problema, analisar a interação de determinadas variáveis e compreender e classificar processos dinâmicos. Quanto aos meios essa pesquisa caracteriza-se como sendo bibliográfica, pois utiliza diversas fontes elaboradas anteriormente e teorias já existentes, conforme afirma Gil (2006, p. 15): “a pesquisa bibliográfica é desenvolvida através do material já elaborado anteriormente, constituído principalmente de livros e artigos científicos”.
Aspectos Culturais x Identidade Cultural
A cultura é algo peculiar às sociedades humanas, isto se dá pelo fato de que padrões, condutas, formas de organização política ou econômica, e o relacionamento dos próprios grupos humanos estarem atrelados ao aspecto cultural.
  A definição da palavra cultura possui uma infinidade de significados. O conhecimento antropológico entende por cultura tudo aquilo que é constituído pela humanidade, desde artefatos e objetos até idéias e crenças. Além disso, é todo o comportamento adquirido pelo indivíduo, independente de seu legado biológico. Cultura, logo é a forma pela qual o homem vive e transforma o mundo ao seu redor, criando e recriando formas de viver e conviver. (Patrimônios de Pernambuco, 2009) 
Cada sociedade possui sua realidade cultural de forma bem particularizada, isto justifica o fato das culturas e sociedades humanas se relacionarem de modo desigual. No entanto, da mesma forma que a diversidade cultural proporciona um relacionamento desigual entre culturas e sociedades humanas ela aproxima de forma bastante significativa os grupos sociais que compartilham da mesma conduta cultural, é assim que surge a identidade cultural de um determinado povo.  
A identidade cultural é um sistema de representações das relações entre indivíduos e grupos, que compartilham de uma mesma característica cultural como a língua, a religião, as artes, o trabalho, os esportes, as festas, entre outros.  (OLIVEIRA, 2010)
Impulsionados por esta forma de compartilhamento por interesses culturais comuns, associada a falta de lazer de uma cidade interiorana pernambucana no ano 1912, começou a florescer o interesse da sociedade timbaubense pelas projeções cinematográficas. 




 *****                       


2 comentários:

tranquelino disse...

Daslan,

Parabens pela divulgação dessas materias, para dispertar o poder publico ou quem sabe de um timbaubense para resgatar esse simbolo de Timbaúba que proporcionou o desenvolvimento intelectual de muitos timbaubense na epoca.

Anônimo disse...

Precisamos restaurar o nosso "Cacareco".

José Selmo F. Campos Junior