a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 641, referente ao período de 15 a 21 de outubro de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefone: (81) 9.9612-0904 (Tim). ***** WhatsApp: +55 81 9.9612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

sábado, 25 de março de 2017

SESSÃO NOSTALGIA – Vera Lúcia Ferreira Maia, Miss Guanabara 1963, uma moça simples e com muitas ideias próprias

Daslan Melo Lima

        Década de 1960, ano de 1963. Durante apenas uma competição, que mobilizou a atenção do País inteiro, foram eleitas as representantes brasileiras para os três concursos internacionais mais famosos do mundo: Miss Universo, Miss Mundo e Miss Beleza Internacional.



TOP 3 DO MISS BRASIL 1963 - Da esquerda para a direita: Vera Lúcia Ferreira Maia, Miss Guanabara, terceiro lugar, semifinalista em Londres no Miss Mundo; Ieda Maria Vargas, Miss Rio Grande do Sul, primeira colocada, eleita Miss Universo em Miami Beach; e Tânia Mara Franco, Miss Paraná, segundo lugar, semifinalista em Long Beach no Miss Beleza Internacional.

----------

           Da alta classe de Vera Lúcia à derrota de Denise – toda uma história de beleza e de mágoas, assim destacava um suplemento especial sobre Misses na revista Fatos & Fotos naquele inesquecível 1963.  Enquanto Denise Rocha de Almeida, Miss Brasília, não se conformava com o quarto lugar, Vera Lucia Ferreira Maia, filha da cantora Nora Ney (1922-2003), dava um depoimento inteligente.



Vera Lúcia Ferreira Maia, com apenas 19 anos, passou de instrumentadora de cirurgia plástica a representante do Brasil no concurso Miss Mundo, em Londres. A viagem será em novembro e até lá não resta outra alternativa senão preparar-se física e espiritualmente para a grande batalha da beleza. Mas Vera Lúcia Ferreira Mia, embora frequente o Castelinho e adore música popular, tem ideias próprias, e seu próprio “credo” às avessas.
·         - Não creio que o casamento deve ser o primeiro objetivo de uma jovem da minha idade.
·           - Não creio que a juventude brasileira seja irresponsável e vazia.
·        - Não creio que a felicidade deva ser um fim. Ser feliz é estar bem com tudo. E nem tudo sempre é bom.
·         - Não creio em Nelson Rodrigues. Suas tragédias são mais deles do que nossa. Ele é mais personagem que autor.
·      - Não creio que baste a beleza: há o caráter, a personalidade, o charme e a sorte.
·         - Nunca li Kafka nem Sagan, o que falta a esta acumulou-se demais naquele.   
----------
             As representantes brasileiras para os mais importantes concursos de beleza do planeta já não são mais eleitas em uma única disputa. Já não há mais revistas dando os destaques devidos às nossas rainhas da beleza como os dados por Fatos & Fotos, Manchete, Mundo Ilustrado e O Cruzeiro.  
            E neste panorama nostálgico, em sua residência na capital de São Paulo, uma mulher bonita, bem humorada, com a classe e a inteligência que Deus lhe deu, abre um precioso álbum de recordações, repleto de imagens de um tempo que se foi.

---------
----------
----------
----------
----------
----------


          E neste panorama nostálgico, em sua residência na capital de São Paulo, uma mulher bonita, bem humorada, com a classe e a inteligência que Deus lhe deu, fecha um precioso álbum de recordações, repleto de imagens de um tempo que se foi, e exclama: “Tenho que lembrar sempre estes momentos. Foram minhas vitórias!” Ela é Vera Lúcia Ferreira Maia, eterna Miss Guanabara 1963, uma mulher simples e com muitas ideias próprias.

*****
__________

Vale a pena recordar a SESSÃO NOSTALGIA de 16/08/2008, 
"Vera Lúcia Maia, a filha Miss de Nora Ney"



Nenhum comentário: