*****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 673, referente ao período de 17 a 23 de junho de 2018. ***** Editor: Daslan Melo Lima - Timbaúba, Pernambuco, Brasil. ***** Contatos : (81) 9-9612.0904 (Tim e Whatsapp). E-mail: daslan@terra.com.br

segunda-feira, 28 de maio de 2018

DE OLHO NO PASSADO - Manchete, Ano 14, Nº 744, 23/07/1966

Garrincha e Pelé, autores dos dois gols do Brasil na vitória contra a Bulgária. Liverpool, Inglaterra, Copa do Mundo de 1966.
----------
Roberto Carlos na propaganda do blusão Calhambeque, um produto exclusivo da F.Trombeta & Cia Ltda.
----------
Ana Cristina Ridzi, Miss Brasil, uma das favoritas ao título de Miss Universo 1966.
----------
Brigitte Bardot deixou La Madrague, sua residência estival de Saint-Tropez, e partiu para os Alpes bávaros em companhia do playboy e cem vezes milionário alemão Gunther Sachs von Opel.
----------
Isabel  Valença, a Chica da Silva, nome pelo qual se tornou famosa ao desfilar, em 1963, pela Escola de Samba Acadêmicos do Salgueiro, e Carmen Mayrink Veiga, da alta sociedade carioca. Encontro no apartamento de Carmen, no Morro da Viúva, Rio de Janeiro.

***** 

Um comentário:

Jeová Barboza de Lira Cavalcanti disse...

A Copa de 1966 foi um fiasco para o Brasil. Garrincha já tinha a mesma habilidade face uma contusão no joelho direito, e Pelé muito marcado, sofreu a violência dos adversários e não rendeu o que dele se esperava. E nossa seleção, que fora campeã em 1958 e Bicampeã em 1962, não passou da primeira fase do torneio (oitava de final) em 1966. O grande destaque da Copa do Mundo de 1966 foi EUSÉBIO, centroavante da Seleção de Portugal, que inclusive foi o artilheiro do certame.