a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 633, referente ao período de 20 a 26 de agosto de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefone: (81) 9.9612-0904 (Tim). ***** WhatsApp: +55 81 9.9612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

sábado, 30 de março de 2013

FULANO DE TAL E O CARRO

Por Daslan Melo Lima

          Fulano de Tal mora perto do local onde trabalha. Poderia ir andando tranquilamente, mas prefere sair de casa de carro, enfrentando problema de estacionamento e expondo o veículo à ação do tempo e dos vândalos. Fulano de Tal tem de sair de casa de carro, pois fora das quatro rodas se sente maltrapilho, despido. O médico recomendou que Fulano de Tal fizesse caminhada, mas ele não escuta e prefere morrer um pouco a cada dia dentro do carro.
          Pobre sociedade de consumo que cria necessidades muitas vezes desnecessárias a todo instante. Todo ano, Fulano de Tal fica no vermelho. Entra em depressão quando sai o modelo novo do veículo da sua marca preferida. Perde o sono preocupado com as perguntas que vai ter de ouvir de amigos e parentes: “Quando troca de carro?” /
          Enquanto o tempo passa, Fulano de Tal se perde na corrida desenfreada pelo Ter, afinal precisa de um carro zero quilometro, antes que as contas no vermelho, a depressão e as noites sem sono matem o homem simples, leve e sábio que ele jamais será.
__________
Agachado diante de um outdoor cubano, no Paço Alfândega, Recife, Pernambuco. Detalhe: Fulano de Tal é uma ficção. Qualquer semelhança com alguém terá sido mera coincidência.

 *****

Um comentário:

JGSouza disse...

Meu amigo. Seu blog, como sempre , magnífico. Parabéns e um abraço desse seu admirador.
José Gomes de Souza Campinas SP