a *****

SEJA BEM-VINDO ! SEJA BEM-VINDA! VOCÊ ESTÁ EM PASSARELA CULTURAL, a sua revista on-line semanal, fundada em 02/07/2004. ***** Esta é a edição nº 621, referente ao período de 28 de maio a 03 de junho de 2017. ***** Editor: Daslan Melo Lima ***** Timbaúba, Pernambuco, Brasil ***** Telefones: (81) 99612.0904 (Tim) e (81) 99277.3630 (Claro) ***** WhatsApp: +55 81 99612.0904 ***** E-mail: daslan@terra.com.br

sábado, 23 de março de 2013

UM PACOTE DE ALGODÃO DOCE


Por Daslan Melo Lima

          Na tarde pernambucana que morre, envelheço um dia a mais no bairro de Timbaubinha, em Timbaúba. Enquanto a noite não nasce, permito-me acreditar que sou igual ao Tempo, atemporal, eterno, morrendo com a tarde que logo mais será noite e renascendo na manhã de amanhã.
       Mergulhado em meus pensamentos e reflexões, volto subitamente para a realidade quando um vendedor passa na frente da minha casa anunciando: “Olha o algodão doce! Atenção, menino, vai passando o algodão doce !”
           Abro a porta e grito: “Eu quero!”  E enquanto o menino que fui saboreia lentamente o algodão doce, o homem que sou relaxa na tarde pernambucana que morre. 
       O Vento que sopra me diz que o vendedor é mensageiro do  Tempo e passou na minha rua confirmando que sou atemporal, eterno, morrendo com a tarde que logo mais será noite e renascendo na manhã de amanhã. Há poucos instantes eu era um adulto mergulhado em reflexões não tão doces, agora sou um menino saboreando algodão doce.Tudo tão simples e leve como se a vida fosse um pacote de algodão doce.

 *****

Nenhum comentário: